Cyndi Lauper Fala Sobre Novo CD

Nesta segunda-feira (05) a gravadora LAB 344 disponibilizou em seu canal no YouTube vídeo legendado de Cyndi Lauper, onde ela fala das raízes do blues, do álbum At Last, do processo de criação do disco, e do trabalho com o produtor Scott Bommar.

“Eu queria fazer este álbum desde 2004, e o chamei de “Memphis Blues” para não fazer confusão. O outro eu chamei de “At Last”, quando eu fiz tudo aquilo, e foi realmente um álbum “torch” (de canções de fossa), e eu queria chamá-lo de “Torch”, mas eu percebi que Carly Simon, sicrano, beltrano, todo mundo era “Torch”. Era como se eu fosse fazer minha própria versão “Torch”.

Não! Então eu queria fazer esse álbum, essa viagem de volta. Pra mim o blues é a base… base de tudo para nós cantores. Tudo o que você canta na vida. Eles foram os roqueiros, os jazzistas, eles começaram tudo. Começa lá trás com Ma Rainey, que não inventou o blues, mas o levou para a estrada e criou um gênero. E não era apenas sua música, era o seu estilo.

Ela era conhecida como a mulher dos colares…então, estou usando colares hoje, em sua homenagem. Eu acho que uma mulher que usa muitas jóias…eu consigo me identificar com isso. Ela usava dentes de ouro…ela tinha dente de ouro antes da moda do dente de ouro! E era minha intenção fazer alguma coisa verdadeira, então Josh me apresentou a esse cara, Scott Bommar, que vive em Memphis.

Ele trabalha com esses caras fantásticos que tocam tudo ao vivo. Ele é muito doce, muito talentoso… é maluco pelas coisas de antigamente… Então nós gravamos em uma máquina de 8 canais. Este foi um momento extraordinário para mim como cantora porque eu queria voltar, reaprender. Esse é a música que todos nós começamos a cantar.

Todos os cantores que cantam esse tipo de música. Qualquer música feita hoje veio deles. Eu realmente acho que nasci para cantar blues!”

Share

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *